quarta-feira, fevereiro 22, 2017

arquivo: «Quanto É Doce» (José Afonso, 1979)

2 comentários:

Paula Lima disse...

Obrigada pela recordação!

Ricardo António Alves disse...

De nada :|