domingo, março 28, 2010

do outro mundo

Alexandre Herculano (28 de Março de 1810).
Literalmente do outro mundo: um dos maiores historiadores da Europa do seu tempo, romancista datado, poeta duro de roer, soldado liberal, cidadão exemplar avesso a privilégios (recusou um título nobiliárquico), educador (preceptor dos futuros D. Pedro V e D. Luís I), polemista destemido.
A sua História de Portugal é um dos livros da minha vida.
O país é digno de comemorá-lo?

4 comentários:

Mónica disse...

pergunta pertinente

RAA disse...

Há comemorações?

TERESA SANTOS disse...

NÃO, apenas NÃO!

RAA disse...

Os outros comemoram (e bem) Schumann e Chopin; e nós também (e bem) o Schumann e o Chopin. Uma grande comemoração nacional de Herculano, nem vê-la.