segunda-feira, novembro 28, 2016

ah, pois, o LEFFest,

que este ano quase não existiu para mim. Deixo, por obrigação, o registo do último dia.
Le Départ,(1967), o primeiro filme de Jerzy Skolimowski realizado no exílio (Bélgica), em que se sente uma libertação sofregamente aspirada. Muito bom..

Vivre Sa Vie (1962) de Jean-Luc Godard, um filme de e para Anna Karina (esplêndido o diálogo, quase monólogo, filósofo-prostituta, elemento surpresa do filme);




termino com Ma Loute (2016), de Bruno Dumont, cuja estética BD, notoriamente francesa, me quadra melhor em álbum que no ecrã.



2 comentários:

Mister Vertigo disse...

"Vivre Sa Vie" é o meu filme favorito de Godard, já os outros dois que refere não conheço, embora tenha gostado bastante dos filmes que vi do Jerzy Skolimowski, ficando com imensa curiosidade em descobrir este "Le Départ".
Bom Feriado!

Ricardo António Alves disse...

Gosto muito de tudo o que vo do Skolimowski.
Bom feriado, também.