sexta-feira, janeiro 28, 2011

Manuel Alegre, a declaração da derrota

Agora, como há cinco anos, orgulho-me de ter votado em Manuel Alegre.
Aqui fica o registo da sua declaração de derrota, com grandeza.


daqui

2 comentários:

Dalaiama disse...

Respeito o poeta. Não foi o meu candidato mas dar-lhe-ia o voto de bom grado na segunda volta.
E fiquei triste, porque sinceramente acreditei que houvesse 2ªvolta.
Só apetece dizer que às vezes o povo parece mesmo burro nas suas escolhas. Cavaco?!?!? Por amor de Deus!!!

RAA disse...

Para não falar dos dirigentes políticos, genericamente abaixo de cão.