quinta-feira, setembro 17, 2015

da vigarice e da cobardia

Depois da campanha negra sobre a alegada homossexualidade de Sócrates (como se o assunto interessasse a alguém), depois do caso Freeport, inventado por um dirigente local do CDS e trazido para uma campanha eleitoral por uma folha de couve moribunda, pretexto para a prática de caça a Sócrates, então primeiro-ministro (gangsterismo puro e pulha, que me levou a votar nele, nessas eleições), a cáfila que destruiu o país avança agora para isto: fotomontagem com Sócrates alegadamente a promover uma universidade brasileira.
Este o calibre de gente que se propõe continuar a governar Portugal. Tomam-nos por parvos. Que vigaristas e que miseráveis!

4 comentários:

Ermelinda Santos Silva disse...

É uma coincidência fantástica, pois claro !

Esta canalhice tem a marca Miguel Relvas !

Ricardo António Alves disse...

Tem, pelo menos, a dedada suja dos marqueteiros a soldo, como viu hoje bem o Ferreira Fernandes. Talvez lhes saia um menino-guerreiro :)

António Oliveira disse...

Tadinho do senhor "engenheiro" ...

Ricardo António Alves disse...

Ó António Silva, você lá sabe para quem quer dirigir as penas. Mas "engenheiro" entre aspas, porquê?...